Aluno da UNIP relata sua experiência nos Estados Unidos

O aluno Bruno Brustelo Albino, do curso de Engenharia de Produção Mecânica do campus Jundiaí, contemplado com uma bolsa de estudos pelo Programa Ciência sem Fronteiras, entrou em contato para relatar sua experiência na Morgan State University, em Baltimore, nos Estados Unidos.

Sobre a vida acadêmica Bruno disse que é tudo bem diferente, se comparado ao Brasil. “Eu morava no próprio campus da universidade e todos os prédios eram perto uns dos outros. O refeitório era no mesmo edifício onde eu morava. Para um estudante, isso é fundamental, pois você pode gastar mais tempo estudando e há menos estresse com trânsito. Tínhamos também um ônibus que nos levava direto para os principais pontos da cidade, como o centro da cidade, shoppings e supermercados.”

Durante o semestre letivo, o acadêmico aprendeu sobre cultura americana e teve contato com a tradição africana, por conta dos imigrantes africanos que lá estudam. “Nos primeiros meses aperfeiçoei-me em inglês, para depois estudar algumas matérias do curso de Engenharia de Produção.”  

Bruno salientou que a Morgan State University possui um sistema educacional de aulas com carga horária reduzida, complementadas com tarefas extras e trabalhos adicionais. “Tínhamos muitas tarefas para casa, por isso eram necessários muitos grupos de estudos, o que me ajudou no aprendizado da língua inglesa. Além do inglês, pude também estudar alemão e praticar um pouco de espanhol com imigrantes latino-americanos.”

“Para mim, essa experiência foi de grande valia, tanto no aspecto  profissional quanto no pessoal. Recomendo a todos que façam um intercâmbio, seja para onde for. Tenho certeza de que irão ganhar muita experiência. Agradeço ao Setor de Relações Internacionais da UNIP e ao Programa Ciências Sem Fronteiras pela oportunidade”, finalizou o estudante.

 

Aluno da UNIP relata sua experiência nos Estados Unidos