Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Engenharia de Produção

Teses Defendidas - 2016

Título: PARADEP - Ferramenta de apoio ao diagnóstico de depressão baseada na Lógica Paraconsistente
Autor(a): Cristina Corrêa de Oliveira
Orientador(a): Jair Minoro Abe
Data: 09/05/2016
Resumo: Sabe-se que a depressão é um dos motivos principais de afastamento de trabalho, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e, também, da Organização Mundial de Saúde – OMS . O paciente é atendido, no serviço primário de saúde, usualmente por médicos clínicos gerais, que muitas vezes não diagnosticam a depressão, ocasionando uma série de transtornos, como aumento da utilização do serviço de saúde, absenteísmo e presenteísmo na vida produtiva do indivíduo. Este trabalho apresenta o ParaDep, artefato desenvolvido para ser utilizado na plataforma web, projetado para servir de auxílio automatizado no diagnóstico da depressão de pacientes que se apresentam no serviço de atendimento primário nos principais serviços da rede pública. A metodologia, no que tange à parte funcional da triagem, foi apoiada nos critérios de depressão do DSM-V; devido à complexidade dos fatores envolvidos, recorreu-se à Lógica Paraconsistente Anotada Evidencial Et que possui a capacidade de manipular dados imprecisos, contraditórios e paracompletos. Faz-se também um completo estudo das diretrizes que um software necessita satisfazer para o ParaDep, como análise da usabilidade e análise de funcionalidade. A aplicação pode ser útil nos ambientes de saúde que sejam lotados ou que necessitem de uma pré-triagem dos pacientes, de modo a ajudar os profissionais de saúde a identificar as pessoas que precisem de uma avaliação pessoal mais aprofundada.
    
Palavras-chave: Depressão; Software de Triagem Depressão; Lógica Paraconsistente Anotada Evidencial Et; Diagnóstico Automatizado.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Métodos Quantitativos em Engenharia de Produção
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq: Lógica Paraconsistente e Inteligência Artificial
Qualidade e Produtividade
Projeto: Redes Neurais Artificiais Paraconsistentes e Aplicações no Reconhecimento de Padrões


Título: Produção sustentável: a empresa entre o direito e os interesses
Autor(a): Aline Rodrigues Sacomano
Orientador(a): Pedro Luiz de Oliveira Costa Neto
Data: 10/05/2016
Resumo: O trabalho pesquisa a importância da sustentabilidade, seus princípios, conceitos, bem como as dimensões, limites e dificuldades para a sua aplicação nos dias de hoje. Também são analisadas as leis brasileiras e de outros países referentes ao assunto. O tema foi explorado mediante o subsídio de amplo levantamento de referências, seguido de pesquisa de campo realizada por meio de entrevistas pessoais com especialistas nas áreas do Direito, Meio Ambiente, Economia, Engenharia de Produção e Sociologia. A análise de conteúdo resultou em dois artigos científicos publicados. Constatou-se que a sustentabilidade é elemento vital para humanidade; entretanto, é muito difícil implementá-la dentro de um sistema de mercado. O conceito, ainda em consolidação, está apoiado na busca do equilíbrio entre as dimensões social, ambiental e econômica, que caracterizam o denominado Triple Bottom Line; porém, há outras vertentes que merecem ser consideradas, como por exemplo as dimensões cultural e política. Tanto no Brasil, como em outros países, há preceitos legais sobre o meio ambiente, a sociedade e a economia, mas o espírito do Triple Bottom Line não está contemplado no ordenamento jurídico. Um aperfeiçoamento na legislação, nesse sentido, tornaria mais claro o ambiente institucional da sustentabilidade, e, por consequência, poderia contribuir com a busca de sua implementação. Também se constatou que o poder das grandes corporações, muitas vezes, se sobrepõe à força da lei, em razão de interesses contrários ao desenvolvimento sustentável. Duas hipóteses do trabalho foram confirmadas: o Direito e a Engenharia de Produção são complementares para o desenvolvimento sustentável; entretanto, a cultura organizacional que vigora na área de Engenharia de Produção visa, primordialmente, à eficiência e ao lucro, em detrimento da preocupação com a sustentabilidade. Quanto à possibilidade de se incorporar os conceitos correlatos e demonstrar a importância da sustentabilidade em um sistema de mercado, concluiu-se que será muito difícil, salvo se houver uma transformação na sociedade, com uma melhor conscientização de todos, iniciando pela ampla melhoria da qualidade da educação.

Palavras-chave: Desenvolvimento Sustentável; Ética. Legislação; Qualidade de Vida; Triple Bottom Line.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq: Qualidade e Produtividade
Projeto: Aspectos Gerenciais e Humanos do Conceito de Qualidade e suas Aplicações na Realidade Prática II


Título: Cenário do etanol no Brasil: produção de automóveis e demanda de combustíveis
Autor(a): Marcelo Kenji Shibuya
Orientador(a): Irenilza de Alencar Nääs
Data: 20/06/2016
Resumo: O lançamento dos veículos flexfuel, ocorrido no ano de 2003, deu ao mercado brasileiro de combustíveis uma nova dinâmica, fazendo com que os proprietários desses veículos pudessem optar pelo uso da gasolina ou do etanol hidratado no momento do abastecimento, tendo-se como principal variável de escolha a razão entre o preço dos dois combustíveis. O objetivo deste trabalho foi analisar a demanda do etanol combustível em função da evolução da frota de veículos leves e a variação dos preços dos combustíveis no Brasil. Os estudos foram realizados por meio da pesquisa sistemática e exploratória, buscando as informações necessárias e pertinentes em publicações científicas, bases de dados governamentais e setoriais da área de combustíveis, possibilitando-se, assim, coletar as informações e dados para a consecução desta investigação. Analisando as recentes publicações, constatou-se uma crescente preocupação de vários países, destaque para os Estados Unidos da América e União Europeia, com relação ao desenvolvimento e utilização de biocombustíveis para fins veiculares; diante disso, pode-se considerar que essa tese pesquisou um tema de relevância, principalmente sendo o Brasil um dos maiores produtores mundiais desse combustível. Os resultados obtidos foram publicados sob a forma de artigos científicos. O primeiro artigo analisa, por meio de simulação em dinâmica de sistemas, a previsão da demanda de combustíveis em função da evolução da frota de veículos leves no Brasil, considerando o período de 2013 a 2020. Por meio desse estudo, foi possível analisar a forte influência dos veículos dotados com a tecnologia flexfuel no mercado de combustíveis do Brasil. No segundo artigo, o foco dos estudos foi direcionado para a determinação da demanda de combustíveis consumidos pelos veículos leves, para o período de 2006 a 2014. Dessa forma, buscou-se analisar a demanda ocorrida para a frota de veículos leves, possibilitando-se assim, quantificar para o período considerado, os volumes consumidos de gasolina C (mistura de gasolina pura com etanol anidro) e etanol hidratado. No terceiro e último artigo publicado, analisou-se, com a utilização de simulação, a contribuição que o bagaço de cana e o milho de segunda safra poderiam trazer para a solução da crise sucroenergética no país. Os resultados desse estudo apontaram que o uso do milho poderá melhorar a oferta de etanol no país, bem como a produtividade das usinas produtoras. Ao final da tese, concluiu-se que o setor sucroenergético brasileiro deixou de investir em novas usinas desde o ano de 2008, criando-se assim, um descompasso entre a produção e demanda do etanol no país. Nos estudos realizados, constatou-se que o descompasso entre produção e demanda do biocombustível poderia ser evitado, ou mesmo minimizado, caso existissem políticas públicas de longo prazo para o setor de combustíveis no país, possibilitando deste modo, uma visão ampla para os empresários do setor, e consequentemente, uma maior motivação para a ampliação da produção do biocombustível no país.

Palavras-chave: Etanol combustível; Sustentabilidade; Cana-de-açúcar; Energia Renovável.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq:
Projeto: Avaliação de processos e produtos do agronegócio


Título: Inflência da logística pré-abate na cadeia produtiva de carne suína
Autor(a): Sivanilza Teixeira Machado
Orientador(a): Irenilza de Alencar Nääs
Data: 01/08/2016
Resumo: Esta tese estudou os efeitos da logística pré-abate e das condições climáticas nas perdas e no conforto térmicos dos suínos produzidos em áreas tropicais. As perdas ocorridas na cadeia produtiva da carne suína têm sido um desafio para todos os envolvidos. As estratégias de competitividade da cadeia não estão somente na busca por maior produtividade, mas na geração de valor que pode ser conseguido com processos baseados na sustentabilidade e nas diretrizes de bem-estar animal. Dois estudos de casos foram realizados em granjas comerciais de suínos e bancos de dados do Serviço de Inspeção Federal, do Instituto Nacional de Meteorologia e de uma granja comercial localizada em Mato Grosso do Sul. Métodos estatísticos foram utilizados para análise dos dados coletados. Os resultados apresentaram que 80% das rejeições na indústria de processamento da carne suína estão relacionadas a quatro principais órgãos: pulmão, rins, fígado e coração. Além disso, as perdas relacionadas à logística pré-abate na indústria foram estimadas em 0,67%. Observou-se efeito (p < 0,0001) do índice de temperatura e umidade (ITU) sobre a temperatura superficial dos animais, durante as operações de transporte pré-abate. Um total de 97,8% dos suínos transportados de ASSP (Águas de Santa Bárbara, São Paulo) estavam dentro da faixa de conforto térmico (ITU ≤ 75) e 2,2% estavam na zona de alerta do conforto térmico, enquanto 100% dos suínos transportados de CIES (Cachoeiro de Itapemirim, Espírito Santo) estavam na zona de emergência, ou seja, em estresse térmico (ITU > 83). O aumento nas perdas de peso vivo dos animais ocorreu gradativamente em função do aumento da distância de transporte percorrida, especialmente para distâncias acima de 500 km (3,9%, p < 0,0001). O controle das atividades que compõem a logística pré-abate, principalmente, o controle do microambiente da carroceria de transporte, é essencial para o conforto térmico dos animais. Para tanto, este estudo sugere a implementação de um sistema de gestão da qualidade com base nos atributos da qualidade da carne suína, integrando os principais elos da cadeia: produtor, indústria e distribuidor, tendo o transportador como agente de conexão.

Palavras-chave: Conforto Térmico; Qualidade; Transporte Humanitário; Suinocultura Industrial.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq: Estudo das Redes Produtivas do Agronegócio
Projeto: Sistemas inovadores de produção aplicados ao agronegócio


Título: Avaliação do impacto econômico da metrologia legal
Autor(a): Bruno Amado Rodrigues Filho
Orientador(a): Rodrigo Franco Gonçalves
Data: 02/08/2016
Resumo: O objetivo do presente trabalho é a avaliação do impacto econômico da metrologia legal. Assim, a pesquisa utiliza uma abordagem quantitativa baseada na formulação do Modelo de Insumo-Produto. A formulação proposta considera todas as interconexões dos setores produtivos, determinando como o impacto de um desvio de medição em um produto impacta toda a economia por meio da introdução de um desvio, que representa a média dos erros de medição dos instrumentos utilizados, na indústria e comércio, nos consumos intermediários e na demanda final de produtos cujo valor é baseado em uma medição. Foram simulados os impactos em diferentes produtos chaves para a economia brasileira nos setores de commodities, combustíveis, mineração e serviços de utilidade. Também foram utilizados dados empíricos de erros de medição no setor de combustíveis no Brasil para a determinação de dois tipos de desvios: erros associados a variação aleatória das medições; e erros intencionais de caráter sistemático, também denominados fraudes. Os dados são advindos do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia –Inmetro, órgão responsável pela metrologia legal no país, assim como dados da matriz de insumo-produto brasileira elaborada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. Os resultados mostram que, para o setor de utilidade, um erro médio de 1% representa um impacto de US$ 995.679.155,81, significando 0,112% do PIB. Para o setor de combustíveis, o impacto médio calculado foi de US$ 25.505.627,88. Para uma fraude, no caso de etanol automotivo, com erro médio de 10% na quantidade comercializada em 1% dos instrumentos utilizados o valor calculado é de US$ 303.734.309,35. Os resultados demonstram o significativo impacto econômico dos erros de produtos cujo valor é baseado em medições. O método proposto permite identificar os produtos que têm maior impacto econômico, sendo também uma ferramenta para direcionar políticas na área da metrologia, contribuindo para competitividade da indústria e proteção do consumidor.

Palavras-chave: Metrologia legal; impacto econômico; regulamentação; insumo-produto; Leontief.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq: O caráter evolucionário do Planejamento e Controle da Produção e as Novas Formas de Organização do Trabalho
Projeto: Aplicações de Lógicas Não-Clássicas, Modelagem Matemática e Simulação na Engenharia Financeira e Economia de Empresas.


Título: A eficácia do Planejamento e Controle da Produção na indústria - analisada pela metodologia da Lógica Paraconsistente Anotada Tri Valorada
Autor(a): Fabio Papalardo
Orientador(a): José Benedito Sacomano
Data: 09/08/2016
Resumo: O Planejamento e o Controle da Produção (PCP) têm sido uma função administrativa essencial para as empresas de manufatura. Desde o início da industrialização, no final do século XIX, até os dias atuais, planejar e controlar a produção a fim de que as tarefas sejam realizadas tem sido um objetivo fundamental nas estratégias de manufatura. Este trabalho tem como meta estudar o Planejamento e Controle da Produção e sua eficácia. Para tanto, foram estudadas empresas de vários tipos, tais como, empresa de bens de capital com produção sob encomenda; empresas de um Arranjo Produtivo Local (cluster) de produção seriada e empresas da cadeia produtiva da indústria de veículos automotores. Devido à complexidade dos fatores que influenciam o desempenho do PCP das empresas industriais, utilizou-se neste trabalho o conceito de redes de empresas, em que cada fator é considerado separadamente, porém apesar da independência de cada um deles, todos atuam no desempenho global da rede. Como ferramenta de análise e para estudo de cenários produzidos pelos fatores que influenciam a eficácia do PCP, foi utilizada a Lógica Paraconsistente, que permite estudar fatores e informações conflitantes, e seu resultado no desempenho do PCP. O resultado desta investigação é que o desempenho do PCP nos vários tipos de empresas de manufatura é uma função de pouca eficácia. Considera-se que tal resultado deve-se ao fato de que diagnósticos eficazes de análise são raros, devido ao grande número de fatores que contribuem para o desempenho de tal função. Consideramos a Lógica Paraconsistente uma ferramenta de grande utilidade para a visão de cenários e como sugestão para melhoria dos mesmos.

Palavras-chave: Planejamento e Controle da Produção; Rede de Empresas; Lógica Paraconsistente.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq: O Caráter Evolucionário do Planejamento e Controle da Produção e as Novas Formas de Organização do Trabalho
Projeto: O caráter evolucionário das técnicas do PCP e as novas formas de organização do trabalho


Título: Um estudo sobre empreendedorismo no cluster de saúde na cidade de Teresina
Autor(a): Reinaldo de Araujo Lopes
Orientador(a): Pedro Luiz de Oliveira Costa Neto
Data: 09/08/2016
Resumo: Nos últimos anos o aquecimento da economia mundial contribuiu para o crescimento expressivo do turismo no mundo, o movimento da receita cambial mais que dobrou nos últimos dez anos, difundindo melhor seu conceito no Brasil. Crescem também as pesquisas relacionadas ao setor no meio acadêmico, bem como a preocupação com empresas duradouras, o crescimento da Região Nordeste, a globalização e outras transformações ocorridas em curto prazo. O turismo, entretanto, engloba diversas possíveis motivações para sua realização, entre as quais o turismo de saúde, pano de fundo para o surgimento do Polo de Saúde de Teresina, objeto da presente pesquisa. Nesse sentido, este trabalho objetiva demonstrar como um dos Estados de menor renda per capita da federação, como o Piauí, tem um sistema de saúde em sua capital que é referência no Nordeste do Brasil, tendo como suas variáveis de influência positiva o turismo de saúde. O trabalho tem como foco as questões que envolvem o turismo como um produto e um serviço, que, por consequência, tem a construção da existência de um cluster de saúde na cidade de Teresina, representando uma expressão econômica que justifica sua importância como gerador de renda, emprego, ciência e tecnologia, e como indutor de um desenvolvimento sustentável naquela cidade. O desenvolvimento do trabalho envolveu a realização de um amplo levantamento bibliográfico para construção do referencial teórico e a realização de uma pesquisa qualitativa por amostragem, estratificada no universo de instituições públicas e privadas que constituem o Polo de Saúde de Teresina. Resultou em uma caracterização do polo em seus diversos aspectos, sendo o fator empreendedorismo dos principais líderes empresariais locais um elemento fundamental para o seu surgimento, crescimento e perenização, como um melhor atendimento à população local e regional devido à criação de infraestrutura necessária. Acredita-se que a discussão apresentada nesta dissertação possa contribuir para o desenvolvimento de outros polos assemelhados em locais estratégicos de regiões carentes de serviços médicos de qualidade em outros pontos do território brasileiro.

Palavras-chave: Turismo; Polo de Saúde; Desenvolvimento Sustentável.  
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Projeto: Arranjos Produtivos Locais
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq: Qualidade e Produtividade


Título: Desenvolvimento de indicadores de desempenho com Balanced Scorecard para      uma instituição de ensino superior privada
Autor(a): Átila de Melo Lira
Orientador(a): Irenilza de Alencar Nääs
Data: 28/11/2016
Resumo: Observado o problema "Como gerar indicadores de desempenho para uma instituição de ensino superior (IES) privada alinhados com a estratégia empresarial?", esta pesquisa teve por objetivo desenvolver um sistema de indicadores de desempenho alinhado com a estratégia empresarial, para uma IES privada, por meio do BSC (Balanced Scorecard). Portanto, esta pesquisa foi dividida em sete etapas (sete artigos científicos publicados) e cada uma delas consistiu no atendimento de um objetivo específico e que, globalmente, culminaram no objetivo geral em resposta à pergunta. Diante disso, cada uma das etapas teve o seu desenho metodológico próprio. Assim, quanto ao método empregado, tiveram artigos com o método dedutivo ou indutivo, abordagem quantitativa ou qualitativa, natureza básica ou aplicada, objetivos exploratórios ou descritivos, pesquisa documental e estudo de caso. Os dados foram coletados por meio de relatórios de indicadores de desempenho de 151 IESs públicas e privadas; entrevistas em profundidade com roteiro semiestruturado com diretores financeiros e de ensino, gestora de recursos humanos e demais funcionários que ocupam cargos em nível de gestão de uma IES privada; registros e arquivos documentais do Ministério da Educação (MEC) e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP); análises de estatística descritiva e análise de correlação. Para as análises quantitativas, foram empregadas estatísticas descritivas e análise de correlação, enquanto para as qualitativas foram utilizadas a proposta metodológica de Spiggle (1994) e a análise tipológica de Lamnek (1989). As principais conclusões mostram que: a) diante de uma quantidade considerável de IESs, são poucas as que possuem indicadores de desempenho pautados em dados numéricos e estatísticos, abrangendo suas principais atividades;b) mesmo em menor número, as IESs públicas se mostram mais eficientes quanto à aplicação de indicadores de desempenho; c) existem fatores favoráveis à sustentabilidade do BSC como o poder centralizado, o quadro funcional reduzido e a execução de atividades-chave em setores específicos, mas também fatores desfavoráveis como a atenção concentrada na perspectiva do ensino e a incapacidade gerencial demonstrada pelos gestores; d) foi verificado onde os gestores encontram maiores dificuldades no processo de tomada de decisões gerenciais, como as decisões são tomadas no contexto dessa instituição e como o BSC pode auxiliar no processo de tomada de decisões; e) as perspectivas tradicionais do BSC devem sofrer algumas modificações pontuais de modo a permitir a eficácia do método no contexto das IES; f) foi demonstrada a complexidade na gestão das IES brasileiras, a ineficácia dos indicadores de desempenho existentes e o predomínio de educadores à frente das instituições; e g) percebeu-se que as IES obtêm maiores êxitos em suas atividades quando abandonam o método como originalmente proposto e o operacionalizam de forma distinta.

Palavras-chave: Indicadores de desempenho; Balanced Scorecard; Instituições de Ensino Superior.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Projeto: Gestão de Operações de Serviços – Formas Organizacionais, Métodos e Ferramentas para a Gestão
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq:


Título: Prejuízos da evasão nos cursos de Engenharia: um estudo de caso
Autor(a): Josimar Alcantara de Oliveira
Orientador(a): Oduvaldo Vendrametto
Data: 28/11/2016
Resumo: A evasão no ensino superior constitui um problema complexo que incomoda a comunidade escolar. A proposição desta tese é pesquisar o custo da evasão nas instituições de ensino superior – IES. Ao analisar o modelo para o cálculo dos prejuízos causados pela evasão nos cursos de graduação presencial em Engenharia, busca-se mensurar o custo corrente do aluno equivalente com recursos do Tesouro Nacional por meio dos investimentos feitos no ensino superior público federal. Para tanto, utiliza-se os indicadores de gestão do Tribunal de Contas da União – TCU. Posteriormente, foi necessário quantificar o valor do prejuízo causado pela evasão no ensino superior dos cursos de Engenharia, considerando a variável do custo equivalente por aluno. Em seguida, foram formuladas comparações dos prejuízos ocasionados pela evasão nos cursos de graduação de Engenharia nas instituições de ensino superior públicas e apresentam-se as possibilidades de investimento na educação em razão da melhor destinação dos recursos advindos dos prejuízos causados pela evasão no ensino superior. A metodologia adotada nessa investigação tem caráter bibliográfico e documental, uma vez que é baseada em relatórios de gestão do ensino superior do Ministério da Educação - MEC, da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior – ANDIFES e do Tribunal de Contas da União. O campo de coleta de dados são os cursos de Engenharia Civil, Elétrica e de Produção da Universidade Federal do Triângulo Mineiro e também da Universidade de Brasília – UnB. Esses cursos são avaliados com nota máxima 5 (cinco) pelo Exame Nacional de Desempenho de Estudantes – ENADE. Também se coletou dados dos cursos de Engenharia de uma IES privada, a Faculdade Santo Agostinho- FSA, na cidade de Teresina- PI. Os resultados mostram que o prejuízo ocasionado pela evasão nos cursos das Engenharias possui caráter crítico propositivo, pois reconhecer a importância de estudar a evasão e seus efeitos não se limita a simplesmente abordar questões de políticas públicas, pois na maioria das vezes ocorre a omissão do pesquisador ao apontar falhas na gestão da educação superior, limitando-se à crítica pela crítica. Nesse estudo, apresenta-se o viés inovador do resultado econômico, o investimento financeiro deve sempre vir com uma propositura social, uma vez que a educação deve ser universalizada, porém com a otimização dos recursos públicos e privados no investimento da educação. Nessa perspectiva, a política brasileira de investimento na educação está estratificada em uma pirâmide invertida que tem em seu topo o ensino fundamental, representando investimento do Tesouro Público Federal de 10%, já o investimento no ensino médio conta com investimento federal de 20% e, por último, investimento no ensino superior somando 70% dos recursos federais. Por sua vez, este estudo aponta para uma recomendação de mudança de cultura, no sentido de inverter o investimento na educação em médio e longo prazo, no período mínimo de 20 anos, para a seguinte distribuição de investimento: ensino fundamental 30%, ensino médio 40% e ensino superior 30% e ainda que seja adotado o critério da meritocracia por meio dos indicadores de qualidade no ensino superior.

Palavras-chave: Avaliação; Evasão; Inovação; Investimento; Modelo; Prejuízo; Qualidade.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Projeto: Melhoria Contínua da Qualidade e Produtividade
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq:


Título: Avaliação do trabalhador e da organização do trabalho na construção de edifícios residenciais e sua influência na produtividade
Autor(a): Carla Caprara Parizi
Orientador(a): Irenilza de Alencar Nääs
Data: 05/12/2016
Resumo: O objetivo deste trabalho foi analisar o perfil do trabalhador e a organização do trabalho na construção de edifícios residenciais e sua influência na produtividade, pautado na hipótese de que a mão de obra não atende satisfatoriamente às necessidades de um mercado competitivo e sustentável. Para atender aos objetivos específicos foram elaborados quatro artigos. O primeiro artigo trata da formação dos trabalhadores da construção civil de edifícios residenciais e sua influência no desperdício de materiais e de tempo no processo de construção. O artigo dois versa sobre a análise do perfil da mão de obra na construção civil e o impacto do nível de habilidade básica na melhoria de desempenho profissional, bem como a participação em programas de sustentabilidade propostos pelas construtoras/empreiteiras. O artigo três aborda a compreensão dos principais fatores que condicionam o bem-estar dos trabalhadores e motivam a relação homem-trabalho, condição que contribui para obtenção de melhor desempenho e produtividade. O artigo quatro trata da análise de fatores que causam despedícios de horas de trabalho, estimando a produtividade influenciada por estes fatores, tomando-se como referência os índices da Tabela de Composição de Preços para Orçamentos da Construção Civil (TCPO). Os resultados deste estudo indicam que atender às necessidades do trabalhador com treinamento técnico adequado aos objetivos pessoais e pautados em objetivos organizaciona abre possibilidades de melhorar a produtividade com qualidade e introduzir novas tecnologias.

Palavras-chave: Construção; Mão de Obra; Motivação; Produtividade; Satisfação; Subcontratação; Vínculo; Trabalhador.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Projeto: Estratégias para melhoria da competitividade
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq:


Título: Vantagens das ferramentas Building Information Modeling - BIM  no panorama do projeto de edificações no Brasil
Autor(a): Samuel Dereste dos Santos
Orientador(a): Oduvaldo Vendrametto
Data: 05/12/2016
Resumo: Os processos de produção dentro da construção civil apresentam, historicamente, diversas limitações que colocam em questão a eficiência, tanto dos processos de projeto, quanto dos processos de produção. O setor apresenta um modelo de produção denominado de autogestionário, no qual prevalecem técnicas manuais de execução e pouco foco nas atividades de projeto, o que gera um produto com problemas e pouca qualidade agregada, além de alto custo. A implantação de ferramentas Building Information Modeling – BIM - dentro do cenário da construção civil busca, no quesito projeto e gestão, melhorar o processo de projeto, tornando-o mais eficaz, contribuindo para a melhoria da qualidade do objeto final construído. Porém, tal ação não significa apenas adoção de software, mas a mudança de paradigmas dentro da cadeia produtiva da construção civil. O objetivo desta tese foi analisar a eficiência e produtividade das ferramentas Building Information Modeling – BIM - no subsetor de edificações no país, buscando levantar seus potenciais e limites. A utilização de tais ferramentas, no âmbito mundial, tem mudado a qualidade dos projetos desenvolvidos, contribuindo para a melhoria do processo produtivo. Para o desenvolvimento da pesquisa, foram realizadas entrevistas em empresas brasileiras, com o levantamento de variáveis de produtividade atuais. Os resultados obtidos demonstram que, comparativamente, as ferramentas BIM apresentam uma produtividade maior do que as outras soluções, sendo mais eficientes. A utilização destas ferramentas em ambientes acadêmicos, por sua vez, demonstrou-se eficiente e como um novo paradigma de ensino e aprendizagem no cenário do ensino de Engenharia. A fim de nortear o entendimento da implantação de ferramentas BIM por pequenas empresas de construção civil, foi desenvolvida uma aplicação web denominada BIM Analysis®, que permitiu aos usuários o entendimento dos custos de implantação, ganhos de produtividade e o tempo de retorno dos investimentos realizados. Os resultados de utilização da aplicação foram satisfatórios nos estudos de caso desenvolvidos, demonstrando o potencial da mesma ante o entendimento das variáveis que fazem parte da implantação BIM.

Palavras-chave: Ferramentas BIM; Ferramentas CAD; Produtividade de Projetos; Software.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Projeto: Estratégias para melhoria da competitividade
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq:


Título: Telemedicina: um projeto de sistema preventivo para a saúde do trabalhador
Autor(a): Sergio Gustavo Medina Pereira
Orientador(a): Rodrigo Franco Gonçalves
Data: 12/12/2016
Resumo: Este estudo tem como objetivo prover uma solução na área da saúde que seja de baixo custo e que funcione como um sistema preventivo. A área de atuação abordada foi de trabalhadores que atuam em ambientes que podem ser considerados extremos, o que não impede que o sistema seja utilizado para outras realidades. Por meio da revisão sistemática da literatura, foi observado que existem poucos trabalhos publicados na área da Telemedicina aplicada à Saúde Ocupacional. Para desenvolver o sistema completo (protótipo e software) foi utilizada a metodologia Design Science Research (DSR), que é aplicada à pesquisa em prescrição de soluções e ao projeto, sendo gerado no final um artefato (hardware e software). Para a validação da importância do sistema e das medições foi realizado um questionário com profissionais da área da saúde. Para a modelagem do negócio, aplicou-se a Soft Systems Methodology (SSM) e Business Model Canvas (BMC). O sistema efetua a medição da temperatura corporal, da temperatura ambiente e da umidade relativa do ar. Esses dados são gerados e enviados para um smartphone com sistema operacional Android e após uma conexão estabelecida são transmitidos para uma Web Service. O profissional da saúde poderá ter acesso por meio de um site responsivo. Todo o sistema foi desenvolvido com plataformas abertas para que possa ter interoperabilidade. O sistema atua na eficiência do diagnóstico, fornecendo os dados em tempo real, sendo possível que um profissional da saúde não precise estar alocado próximo ao ambiente da medição, mas que tenha acesso e confiabilidade ao analisar o histórico de dados, permitindo ações preventivas.

Palavras-chave: Telemedicina; Saúde Ocupacional; Prevenção; Temperatura Corporal; Engenharia de Sistemas.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Projeto: Gestão da produção de software e mídias interativas
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq:


Título: Conhecimento e gestão: as atividades de inteligência na Polícia Civil do Estado de São Paulo
Autor(a): Herbert Gonçalves Espuny
Orientador(a): Pedro Luiz de Oliveira Costa Neto
Data: 19/12/2016
Resumo: O presente trabalho teve por objetivo principal fornecer uma contribuição ao aprimoramento da Atividade de Inteligência praticada por unidades de Inteligência da Polícia Civil de São Paulo, baseadas na cidade de São Paulo. A Engenharia de Produção tem, cada vez mais, produzido trabalhos na área da gestão do conhecimento, campo de significativa otimização dos setores produtivos das organizações. Considerando a importância das atividades de investigação e combate à criminalidade, este trabalho propiciou uma incursão nas unidades da Polícia Civil paulista que desenvolvem o trabalho de Inteligência. As unidades escolhidas foram as chamadas Unidades de Inteligência Policial – UIPs e os Centros de Inteligência Policial – CIPs, sendo que as primeiras são unidades de Inteligência ligadas aos diversos departamentos de Polícia Judiciária e os segundos estão ligados às Delegacias Seccionais de Polícia. Embora todas as unidades pesquisadas tenham sede na cidade de São Paulo, algumas delas possuem atuação em todo o território do Estado de São Paulo. A pesquisa concentrou-se em ferramentas não exclusivas da instituição policial civil e são utilizadas nas áreas de gestão e qualidade. O conhecimento obtido com a pesquisa permitiu deduzir que a proposta de implementação de várias ferramentas com o objetivo de reduzir as incertezas do conhecimento de Inteligência não é um objetivo distante. Várias unidades já utilizam algumas das ferramentas citadas A pesquisa foi de caráter exploratório, haja vista não haver quaisquer referências em bases científicas neste sentido. As unidades selecionadas responderam a um total de 17 questões. Algumas perguntas eram de caráter objetivo. Outras exigiam esclarecimentos complementares. E a última, aberta, para resposta livre. Os resultados obtidos demonstram que as unidades podem incorporar, de forma sistemática, as ferramentas pesquisadas. Contudo, há necessidade de um treinamento para que essa implementação seja efetiva.

Palavras-chave: Gestão do Conhecimento; Inteligência; Inteligência Policial.
Área de Concentração: Gestão de Sistemas de Operação
Linha de Pesquisa: Redes de Empresas e Planejamento da Produção
Projeto: Aspectos gerenciais e humanos do conceito de qualidade e suas aplicações na realidade prática II
Grupo de Pesquisa da UNIP cadastrado no CNPq: