Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Comunicação

O Discurso Midiático e a Construção do Poder

Ementa
A politização da mídia, a midiatização da política e a observação nos enunciados dos mecanismos de poder e de resistência a partir de conceitos propostos por Mikhail Bakhtin e Michel Foucault. O papel da mídia na produção e circulação de sentidos, as transformações nas práticas discursivas pelos meios de comunicação de massa, bem como as relações entre língua, discurso e identidade.

Bibliografia

BRAIT, Beth (Org.). Bakhtin. Conceitos-chave. São Paulo: Contexto, 2005.
BRAIT, Beth(Org.). Bakhtin e outros conceitos-chave. São Paulo: Contexto, 2006.
CROSARA, Francieli. Discurso de resistência em Chico Buarque. São Carlos: Claraluz, 2009.
FIORIN, José Luiz. Introdução ao pensamento de Bakhtin. São Paulo: Ática, 2007.
HALL, Stuart. Reflexões sobre o modelo de codificação/decodificação; uma entrevista com Stuart Hall. In: SOVIK, Liv (Org.) Da Diáspora; identidades e mediações culturais. Stuart Hall. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2003.
GREGOLIN, Maria do Rosário. Discurso e mídia. A cultura do espetáculo. São Carlos: Claraluz, 2003.
ELIAS, Norbert; SCOTSON, John L. Os estabelecidos e os outsiders. Rio de Janeiro: Zahar, 2000.
FOUCAULT, Michel. A ordem do discurso. São Paulo: Loyola, 1996.
MARTIN-BARBERO, Jesús. Dos meios às mediações. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2009.
WEBER, Maria Helena. Comunicação e espetáculos da política. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2000.