Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Comunicação

Teoria da Materialidade e Diacronia dos Meios

Ementa
Relação entre meios e mídia do ponto de vista diacrônico e de sua relação com a teoria da materialidade desenvolvida pelos teóricos da comunicação alemã, tais como Benjamin, Gumbrecht, Kittler entre outros. A partir da materialidade do suporte tecnológico dos meios, investigar as condições de possibilidade de emergência das estruturas de sentido. O livro, o cinema e o objeto de moda sob a questão do trânsito entre seus suportes e materialidades.

Bibliografia
BRIGGS, Asa; BURKE, Peter. Uma História Social da Mídia: de Gutemberg à Internet. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2006.

COSTA, Flávia Cesarino. Primeiro Cinema. In:MASCARELLO, Fernando (Org.). História do cinema mundial. Campinas, SP: Papirus, 2006.

COUTO, Edvaldo. Gilbert Simondon: Cultura e Evolução do Objeto Técnico. In: ENCONTRO DE ESTUDOS MULTIDISCIPLINARES EM CULTURA, 3. 2007, Salvador.

GUMBRECHT, Hans Ulrich. Materialidades de Comunicação: viagem de uma intuição. In: SÜSSEKIND, Flora; DIAS, Tânia (Org.). A historiografia literária e as técnicas de escrita. Rio de Janeiro: Edições Casa de Rui Barbosa: Vieria e Lent, 2004

GUMBRECHT, Hans Ulrich.  O corpo versus a imprensa: os meios de comunicação no início do período moderno. In: GUMBRECHT, Hans Ulrich. Modernização dos sentidos. São Paulo: Ed. 34, 1998.

MÜLLER, Adalberto. João do Rio e o Cinematographo: primeira modernidade literária e primeiro cinema. Itinerários, Araraquara, n. 36, p.187-197, jan./jun. 2013.
 
SIMONDON, Gilbert. Du mode d´existence des objets techniques. Paris:  Aubier, 1989.

SÜSSEKIND, Flora. Cinematógrafo de Letras: literatura, técnica e modernização do Brasil. São Paulo: Cia das Letras, 1987.