Design Gráfico

Atos Regulatórios

1. Autorização, Reconhecimento e Renovação de Reconhecimento

PARAÍSO Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
PINHEIROS Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
RIBEIRÃO PRETO Reconhecimento Portaria n. 390 de 30/05/2018 publicada em 01/06/2018
SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Reconhecimento Portaria n. 1.109 de 25/10/2017 publicada em 26/10/2017
GOIÂNIA Autorização Resolução CONSUNI n. 20130620 de 20/06/2013 (Portaria Normativa n. 40/2007 republicada em 29/12/2010 para fins de expedição de diploma)
BAURU Autorização Resolução CONSUNI n. 09/02 de 10/09/2002  - Em Processo de Renovação de Reconhecimento - Protocolo n. 200910309 (Portaria Normativa n. 40/2007 republicada em 29/12/2010 para fins de expedição de diploma)
JUNDIAÍ Autorização Resolução CONSUNI n. 09/02 de 10/09/2002  - Em Processo de Renovação de Reconhecimento - Protocolo n. 200906065 (Portaria Normativa n. 40/2007 republicada em 29/12/2010 para fins de expedição de diploma)
SANTANA DE PARNAÍBA Autorização Resolução CONSUNI n. 09/02 de 10/09/2002  - Em Processo de Renovação de Reconhecimento - Protocolo n. 200910310 (Portaria Normativa n. 40/2007 republicada em 29/12/2010 para fins de expedição de diploma)
SÃO JOSÉ DOS CAMPOS Autorização Resolução CONSUNI n. 09/02 de 10/09/2002  - Em Processo de Renovação de Reconhecimento - Protocolo n. 200906073 (Portaria Normativa n. 40/2007 republicada em 29/12/2010 para fins de expedição de diploma)
SOROCABA Autorização Resolução CONSUNI n. 09/02 de 10/09/2002  - Em Processo de Renovação de Reconhecimento - Protocolo n. 200906076 (Portaria Normativa n. 40/2007 republicada em 29/12/2010 para fins de expedição de diploma)
SANTOS Reconhecimento Portaria n. 970 de 06/09/2017 publicada em 08/09/2017
CAMPINAS Renovação de Reconhecimento Portaria n. 273 de 03/04/2017 publicada em 04/04/2017
BRASÍLIA Renovação de Reconhecimento Portaria n. 273 de 03/04/2017 publicada em 04/04/2017
ANCHIETA Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
CHÁCARA SANTO ANTÔNIO Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
CIDADE UNIVERSITÁRIA Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
MARQUÊS Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
NORTE Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
PAULISTA Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
TATUAPÉ Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013
VERGUEIRO Renovação de Reconhecimento Portaria n. 215 de 17/05/2013 publicada em 21/05/2013

 

2. Conceitos do Curso

CAMPUS CURSO ANO DA AVALIAÇÃO CONCEITO PRELIMINAR DE CURSO - A PARTIR DE 2007
Alphaville CST - Design Gráfico 2015  
Anchieta CST - Design Gráfico 2015  
Bauru CST - Design Gráfico 2015  
Brasília CST - Design Gráfico 2015 3
Campinas CST - Design Gráfico 2015 3
Chácara Santo Antônio CST - Design Gráfico 2015  
Cidade Universitária CST - Design Gráfico 2015 SC
Jundiaí CST - Design Gráfico 2015  
Marquês CST - Design Gráfico 2015  
Norte CST - Design Gráfico 2015  
Paulista CST - Design Gráfico 2015  
Santos CST - Design Gráfico 2015  
São José do Rio Preto CST - Design Gráfico 2015  
São José dos Campos CST - Design Gráfico 2015  
Sorocaba CST - Design Gráfico 2015  
Tatuapé CST - Design Gráfico 2015  

Projeto Pedagógico do Curso (PPC)

1. Objetivos do Curso

O Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico tem como objetivo desenvolver competências associadas à utilização de métodos e técnicas modernos no âmbito da Comunicação, formando profissionais capazes de atuar nos departamentos de comunicação, publicidade, propaganda e marketing de empresas industriais e de serviços, setor público, organizações não-governamentais e empresas especializadas.

2. Atividades Principais

  • Dominar as linguagens tradicionais e competências estéticas indispensáveis para a produção audiovisual;
  • caracterizar e diferenciar as linguagens das diferentes mídias e suas inter-relações;
  • criar e produzir, em diferentes mídias, peças gráficas e audiovisuais;
  • respeitar as normas e leis pertinentes ou que regulamentam as atividades da área;
  • conhecer os processos e linguagens derivados das novas tecnologias de comunicação;
  • adquirir visões sistêmicas de projeto, manifestando capacidade de conceituá-lo a partir da combinação adequada de diversos componentes materiais e imateriais, processos de fabricação, aspectos econômicos, psicológicos e sociológicos do produto;
  • conhecer o setor produtivo relacionado ao mercado, materiais, processos produtivos e tecnologias;
  • trabalhar na criação de layouts para impressos de diversas naturezas, tais como revistas, livros, cartazes, folders, jornais, outdoors e demais impressos em grandes formatos, utilizando-se dos recursos plásticos/expressivos tradicionais (desenho, pintura, colagem etc.), tanto quanto daqueles que empregam recursos próprios aos meios virtuais;
  • participar, como diagramador e arte-finalista, das tarefas que envolvem a pré-produção desses materiais, ou seja, diagramação e paginação de impressos, produção das imagens digitais a serem incorporadas e tratamento delas;
  • gerar e controlar a produção de arquivos para fotolito, em linguagem postscript, e avaliar a qualidade destes;
  • atuar como produtor gráfico, acompanhando os trabalhos de impressão e acabamento de impressos em geral;
  • criar marcas e logotipos, além de projetar e participar das tarefas de implantação relativas à criação de identidades visuais e estabelecer parâmetros para a utilização correta da marca, tais como especificações de aplicação de cor, dimensões e materiais de suporte;
  • atuar como ilustrador, produzindo desenhos e/ou infográficos.

3. Mercado de Trabalho

  • Agências de Publicidade e Propaganda
  • Empresas de Marketing
  • Agências de Comunicação Integrada: Jornalismo e Relações Públicas
  • Produtoras de Vídeo
  • Produtoras de Cinema
  • Empresas de Fotografia

4. Duração do Curso

2 anos

5. Coordenador

Rodrigo Matarazzo

6. Critérios de Promoção, do Regimento Geral da UNIP

Art. 79-A. Da Avaliação da Aprendizagem para os Cursos Superiores de Tecnologia.

I - Rendimento Escolar
A apuração do rendimento escolar é feita por disciplina, conforme as atividades curriculares, abrangendo os aspectos de frequência e aproveitamento.
Assim, o aluno somente poderá ser aprovado e/ou prestar exames com o mínimo de 75% (setenta e cinco por cento) de frequência às aulas e demais atividades programadas para a disciplina.

II - Critérios de Promoção
Os critérios de promoção, envolvendo, simultaneamente, a frequência e o aproveitamento escolar, são os seguintes:
a) se a frequência do aluno for inferior a 75% (setenta e cinco por cento), ele estará reprovado na disciplina;
b) em caso contrário, serão feitas avaliações, assim distribuídas:

  • duas Notas do Professor (NP1 e NP2) para as atividades curriculares, com peso 4 (quatro) cada uma, na composição da nota semestral de cada disciplina;
  • uma nota referente ao Projeto Integrado Multidisciplinar (PIM), com peso 2 (dois) no cálculo da Média Semestral (MS) de cada disciplina. O aluno deverá entregar, obrigatoriamente, um Projeto Integrado Multidisciplinar (PIM) por semestre e a sua avaliação poderá ser consi­derada como parte da nota de uma ou mais disciplinas.

A Média Semestral (MS) será: MS = NP1 x 4 + PIM x 2 + NP2 x 4 / 10

I - se a MS for igual ou maior que 5,0 (cinco), o aluno estará aprovado na disciplina, naquele semestre.
II - se a MS for menor que 5,0 (cinco), o aluno será reprovado.
III - quando a MS for maior ou igual a 4,75 (quatro-­vírgula-setenta e cinco) e menor que 5,0 (cinco), a MS será arredondada para 5,0 (cinco). O desempenho do aluno é avaliado numa escala de 0 (zero) a 10 (dez).

c) a nota obtida no Projeto Integrado Multidisciplinar (PIM) não incide nas disciplinas cursadas em regime de Dependência, Adaptação ou Antecipação e nas disciplinas optativas ou eletivas. Para estas disciplinas, a MS será calculada pela média aritmética simples entre NP1 e NP2.
d) o aluno reprovado em período letivo que não seja oferecido no semestre seguinte deverá matricular-se em período indicado pela Coordenação do Curso.
e) se a média final do PIM for inferior a 5,0 (cinco), o trabalho será considerado insuficiente para a validação das 100 horas de atividade, ou seja, o aluno estará reprovado na disciplina PIM. Entretanto, esta nota fará parte da média final do aluno no semestre cursado.
f) Para as Atividades Complementares (AC), Estudos Disciplinares (ED) e Estágios Curriculares (EC) de alguns cursos será atribuído um conceito semestral (Aprovado ou Reprovado).

Atenção: A reprovação em uma ou mais disciplinas não impede o aluno de continuar seus estudos nos períodos seguintes.
Os casos omissos serão analisados por uma comissão especialmente indicada pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, CONSEPE.

III - Estudos Disciplinares
Os Estudos Disciplinares (ED) são unidades de estudos de caráter obrigatório nos cursos de graduação da Universidade Paulista – UNIP, constituindo um eixo estruturante de formação inter e multidisciplinar que perpassa todos os períodos dos cursos.
A carga horária dos ED é definida no projeto pedagógico de cada curso, considerando suas especificidades.
Os ED utilizam a resolução sistemática de exercícios, indutores do desenvolvimento das competências e habilidades para sua área de formação.
Os Estudos Disciplinares são desenvolvidos com recursos educacionais combinados do ensino presencial e da educação a distância, utilizando, entre outros, a plataforma de Tecnologia de Informação e Comunicação da UNIP.
A avaliação de desempenho dos alunos nos Estudos Disciplinares resultará da combinação do seu aproveitamento nas diferentes atividades.

 

Manual de Informações Acadêmicas e Calendário Escolar

Observação: o PPC está disponível também no setor de atendimento e nas bibliotecas.

Grade Curricular - Ingressantes 2019

Disciplinas Carga Horária
Atividades Complementares 100
Computação Gráfica 3D - Modelamento 60
Composição e Projeto Gráfico 60
Computação Gráfica 60
Comunicação Aplicada 60
Comunicação Editorial 60
Desenvolvimento de Embalagens 60
Direitos Humanos (Optativa) 20
Educação Ambiental (Optativa) 20
Empreendedorismo 60
Estudos Disciplinares 300
Ética e Legislação 60
Fotografia e Técnicas de Iluminação 60
História da Arte 60
Língua Brasileira de Sinais (Optativa) 20
Manuais e Ilustrações Técnicas - Científicas 60
Metodologia Científica 60
Oficina de Textos 60
Planejamento Estratégico 60
Princípios de Sistemas de Informação 60
Produção Gráfica 60
Projeto Integrado Multidisciplinar 400
Publicações para Web 60
Registro Visual e Sonoro 60
Relações Étnico-Raciais e Afrodescendência (Optativa) 20
Sinalização e Mídia Exterior 60
Teorias e Técnicas da Comunicação 60

Carga Horária Total: 2.020 horas-aula (1.683 horas)

INSCREVA-SE

VESTIBULAR   TRADICIONAL E AGENDADO   USE SUA NOTA DO ENEM

VESTIBULAR
TRADICIONAL E AGENDADO
  USE SUA NOTA DO ENEM