Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Comunicação

Comunicação, Empatia e Sociabilidade

Ementa

Comunicação e processos vitais: o conceito de vínculo e de rede. A empatia humana: natureza, práticas e especificidades da empatia entre os seres humanos. Empatia e seletividade. Empatia e compaixão. Empatia e mimese. Empatia e criação de sentimento de pertença. A formação da sociabilidade, os processos de identificação, inclusão e exclusão social. Critérios de inclusão e exclusão: critérios culturais, imaginários, sociais, psicoafetivos, econômicos, políticos. Sociabilidade como processo subjacente à comunicação. As diferentes formas de sociabilidade nas comunicações presenciais e mediadas.

Bibliografia

BAITELLO JR, N. O pensamento sentado. São Leopoldo: Unisinos, 2012.
BREITHAUPT, F. Culturas de la empatia. Madri: Katz, 2011.
BERMAN, M. Historia de la conciencia - de la paradoja al complejo de autoridad sagrada. Santiago de Chile: Cuatro Vientos, 2004.
BERMAN, M. El reencantamiento del mundo. Santiago de Chile: Cuatro Vientos, 1987.
CONTRERA, M. S. Mediosfera – mídia, imaginário e desencantamento do mundo. S. Paulo: Annablume, 2010.
CONTRERA, M. S. A dessacralização do mundo e a sacralização da mídia: consumo imaginário televisual, mecanismos projetivos e a busca da experiência comum.  In: BAITELLO JR, N. et al. (Org.). Os símbolos vivem mais que os homens. S. Paulo: Annablume, 2006.
CONTRERA, M. S. Vínculo Comunicativo – verbete. In: MARCONDES FILHO, C. Dicionário de Comunicação. S. Paulo: Paulus, 2009.
CONTRERA, M. S. Simpatia e Empatia – Mediosfera e Noosfera. In: WULF, C.; BAITELLO JR., N. (Org.). Emoção e Imaginação: os sentidos e as imagens em movimento. S. Paulo: Estação das Letras e Cores, 2014.
CONTRERA, M. S. Mimese e Mídia – novas formas de mimese ou uma consciência hipnógena? In: BORNHAUSEN, D. A., MIKLOS, J., SILVA, M. R. (Org.) CISC 20 anos – comunicação, cultura e mídia. São Paulo: CISC/BluCom, 2012. Disponível em: <http://cisc.org.br/portal/biblioteca/CISC_20_anos-Comunicacao_Cultura_e_Midia.pdf.>.

CONTRERA, M. S. Acerca da relação entre Comunicação e Cidadania – re-significações possíveis.  In: SAMPAIO, I. (Org.) Comunicação, Cultura e Cidadania. Campinas: Pontes Editores, 2012.
CONTRERA, M. S. Mimesis and Media: New forms of mimesis or hypnogenic consciousness? Paragrana Journal, v. 23, p. 176-184, 2014.
CONTRERA, M. S.; AIELLO, C. H. A imagem midiática dos padrões estéticos nos fenômenos de adultescência e infantescência. Tríade - comunicação, cultura e mídia, v. 3, n.5, p. 58-79, 2015.
CYRULNIK, B. Os alimentos do afeto. São Paulo: Ática, 1995.
CYRULNIK, B. Do sexto sentido. Lisboa: Instituto Piaget, 1999.
CYRULNIK, B. Resiliência, essa inaudita capacidade de construção humana. Lisboa: Instituto Piaget, 2003.
CYRULNIK, B. Os patinhos feios. São Paulo: Martins Fontes, 2004.
CYRULNIK, B. O murmúrio dos fantasmas. São Paulo: Martins Fontes, 2005.
DAMÁSIO, A. O mistério da consciência.  São Paulo: Cia. das Letras, 2000.
DAMÁSIO, A. E o cérebro criou o homem. São Paulo: Cia. das Letras, 2011.
DIECKMANN, B.; WULF, C.; WIMMER, M. Violence – nationalism, racism, xenophobia. New York: Waxmann, 1997.
GEBAUER, G.; WULF, C. Mimese na cultura – agir social, rituais e jogos, produções estéticas. S. Paulo: Annablume, 2004.
HUPPAUF, B.; WULF, C. (Ed.) Dynamics and Performativity of Imagination: The Image between the Visible and the Invisible. New JUNG, C. G. Obras Completas. Petrópolis: Vozes, 2011.
KRZNARIC, R. O poder da empatia. Rio de Janeiro: Zahar, 2015.
LIMA, L. C. Mimesis e Modernidade – formas das sombras. Rio de Janeiro: Graal Ed., 2003.
LIMA, L. C. Mimesis e reflexão contemporânea. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2010.
MIKLOS, Jorge. Cultura e desenvolvimento local: ética e comunicação comunitária. São Paulo: Saraiva, 2014.
MORIN, E. O método. Porto Alegre: Sulina, 2005. vols. 1, 2, 3 e 4.
MORIN, E. O paradigma perdido - a natureza humana. Lisboa: Publ. Europa-América, 2000.
MORIN, E. Cultura de massas no século XX. S. Paulo: Forense-Universitária, 1990.
NËUMANN, E. História da origem da consciência. São Paulo: Cultrix, 1990.
PEREIRA, N. C. Empatia – terreno movediço. Curitiba: Appris, 2015.
SODRÉ, M. Antropológica do espelho - uma teoria da comunicação linear e em rede. Petrópolis: Vozes, 2002.
SODRÉ, M. As estratégias sensíveis. Petrópolis: Vozes, 2006.
VARELA, F. Sobre a competência ética. Lisboa: Ed. 70, 1992.
WAAL, F. A era da empatia. São Paulo: Cia. das Letras, 2012.
WAAL, F. Putting the altruism back into altruism: the evolution of empathy. Annual Review of Psychology, v. 59, p. 279-300, 2008. Disponível em: <http://www.annualreviews.org/doi/abs/10.1146/annurev.psych.59.103006.093625>.
WULF, C. (Org.) Cosmo, corpo, cultura. Milão: Mondadori, 2002.
WULF, C. Antropologia da Educação. Campinas: Alínea, 2005.
WULF, C.   Antropología – história, cultura, filosofía. Barcelona: Anthropos, 2008.
WULF, C. HOMO PICTOR – Imaginação, ritual e aprendizado mimético no mundo globalizado. São Paulo: Hedra, 2013.
York: Routledge, 2009.
WULF, C. et al. Ritual and Identity. The staging and performing of rituals in the lives of young people. London: Routledge, 2010.
WULF, C.; MICHAELS, A. (Org.) Images of the Body in India, Rituals,Transgression, Perfomativity. London: Routledge, 2010.