Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Comunicação

Recodificações Tecnovisuais e Sociedade

Ementa

Explicitação dos conceitos de "Stimmungen" e "Intermedialidade" - oriundos da Teoria da Mídia Alemã - para articular instrumental teórico-metodológico útil para a análise das recodificações das mídias e artes contemporâneas.

Bibliografia

GIL, Inês. A Atmosfera fílmica. Caleidoscópio – Revista de Comunicação e Cultura, n.2, p.95-101, 2002.
GUMBRECHT, Hans Ulrich. Atmosfera, ambiência, Stimmung: sobre um potencial oculto da literatura. Rio de Janeiro: Contraponto: Editora PUC Rio, 2014.
MÜLLER, Adalberto. Além da literatura, aquém do cinema? Considerações sobre a intermedialidade. Outra Travessia – Revista de Literatura- PPGL- UFSC, n.7, 2008.
MÜLLER, Adalberto. Ambiências Afetivas em Amor à Flor da Pele de W. Kar Way. Ilha do Desterro A Journal of English Language, Literatures in English and Cultural Studies, n.65, p.63-71, jul. dez. 2013.
MÜLLER, Adalberto. Anthropophagie et intermedialité: l'essor des telenovelas brésiliennes. Télévison, n.3, p.119-128, 2012/1.
MÜLLER, Jürgen E. Intermidialidade Revisitada: algumas reflexões sobre os princípios básicos desse conceito.  In: DINIZ, Thais F. N; VIEIRA, André S. Intermidialidades e estudos interartes: desafios da arte contemporânea. Belo Horizonte: FALE/UFMG, 2012.
POMPEU, Douglas. Stimmungen Lesen, ler entre a forma e a substância. Pandaemonium, São Paulo, v. 15, n. 19, p. 256-260, jul. /2012.
PRÜMM, Karl. O Trabalho da câmera: uma experiência intermidiática In: DINIZ, Thais F. N; VIEIRA, André S. Intermidialidades e estudos interartes: desafios da arte contemporânea. Belo Horizonte: FALE/UFMG, 2012.
SINNERBRINK, Robert. Stimmung: Exploring the Aesthetics of Mood. Screen, v. 53, n.2, p. 148-163, 2012.